Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SentirAilha

Viva! Este é um espaço de encontro, interconhecimento e partilha. Sentir a ilha que cada um é, no mar de liberdade que todos une e separa... Piedade Lalanda

SentirAilha

Viva! Este é um espaço de encontro, interconhecimento e partilha. Sentir a ilha que cada um é, no mar de liberdade que todos une e separa... Piedade Lalanda

Escrever

Escrever é uma pratica diária para muitos, esporádica para outros, desconhecida para um numero demasiado elevado de pessoas.

A necessidade de passar a escrita o pensamento, os propósitos, mas sobretudo os sentimentos e emoções, nasce com a descoberta da força das palavras. Palavras, muitas com que construímos frases e abrimos caminho como quem afasta a vegetação numa floresta densa de sentidos.

Escrever é um prazer imenso, uma espécie de sede que se mata, a libertação de um momento onde somos sempre confrontados com o próprio ser e ao mesmo tempo olhamos o mundo num flash.

Há muito que ansiava por voltar a escrever...a descrever ....a ver os caminhos por onde me levam as palavras.

Escrever é muito mais do que alinhar letras....é encontrar sentidos, fazer escolhas, entre o que deve, pode ou é para ser dito. E faz toda a diferença. Quando alguém diz que algo deve ser dito, considera-se mediador de uma mensagem. Quando a questão se situa no deve ou não ser dito, então vem ao de cima o contexto, as regras de conveniência, o juízo coletivo, a censura. Mas as palavras tem uma força própria, que encarna a liberdade, a identidade, o ser genuíno da humanidade. E quando essa essência assume o comando da escrita , então é porque as palavras são para serem ditas. 

Escrever,sentir de novo a vida através das palavras.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Visitantes

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D